Atenção banhista: Cuidado com as caravelas nesse verão!

O verão ainda nem começou, mas desde já vale ficar atento a presença de caravelas, que são consideradas mais perigosas que as águas vivas, na hora de aproveitar a praia.

De acordo com a sargento Glaucia Krüger, do Corpo de Bombeiros de Santa Catarina, os tentáculos das caravelas são longos (até três metros) e quando encostam na pele podem provocar queimaduras e até uma parada cardíaca.

Nos locais em que for constatada a presença de caravelas, os guarda-vidas estarão hasteando a bandeira lilás, uma das novidades para a temporada 2019/2020.

Já para os banhistas ou surfistas que sofrerem lesão proveniente do contato com águas vivas, a recomendação também é procurar um posto de guarda-vidas. “As pessoas que forem queimadas por caravelas não devem raspar o local ou jogar água doce, porque isso faz com que a toxina se espalhe. O ideal é passar vinagre, substância que corta o efeito da toxina”, explica Krüger.